MOMENTO LIFETIME

O vinho é coisa de mulher

Nós também amamos o vinho!
Por: LIFETIME Brasil

Um casal tem um jantar romântico, à luz de velas, em um restaurante charmoso. Na hora do pedido, a mulher diz que o momento e a comida excelente merecem um bom vinho tinto. Após muita insistência, o homem, finalmente, cede, a contragosto, enquanto olha, de forma melancólica, os copos de cerveja nas mesas vizinhas.
 
Apesar de situações como essa serem muito comuns, ainda existe a crença que o vinho é uma bebida masculina. Desde os tempos mais remotos, a história do delicioso elixir foi uma história de homens, e, geralmente, os mais “apropriados” para nós, os chamados “vinhos para mulheres”, são frutados, doces, fáceis de beber.

No entanto, muitas de nós simplesmente adoramos essa bebida em todas as suas facetas. E é óbvio que a sensibilidade feminina permite que percebamos as matizes, as sutilezas, os sabores múltiplos e os aromas ocultos em uma taça de vinho. Definitivamente, sabemos desfrutá-la ao máximo em qualquer lugar e situação, seja com amigas, em casal ou completamente sozinhas.

Por esse motivo, foram criados, recentemente, grupos e organizações, como a Women & Wine (www.womenwine.com), com receitas, notícias, informações úteis e tudo o que necessitamos para compartilharmos entre nós a experiência do vinho.

Pouco a pouco, vamos mudando a história: atualmente já existem diversas enólogas, diretoras de bodegas famosas e cada vez mais mulheres entram na lista dos melhores sommeliers do mundo. Pois vamos fazer um brinde a elas!

E você, considera-se uma amante do vinho? Você acha que é uma bebida feminina ou masculina? Se quiser saber tudo o que acontece quando um grupo de mulheres especiais embarca em uma verdadeira aventura vitivinícola, não perca “Pequenas Grandes Mulheres”, SEGUNDA às 22h30.