MAIS LIFETIME

Novo governo da Espanha será um dos mais femininos da história

O governo socialista de Pedro Sánchez, recentemente eleito na Espanha, será um dos mais femininos da história do país. 

A nova equipe será composta por 11 mulheres e 6 homens – e bate a Suécia em proporção de presença feminina. No país nórdico o governo é composto por 12 mulheres e 11 homens. 

As mulheres irão ocupar cargos importantes na gestão de Sánchez: Dolores Delgado assume a pasta da Justiça; Margarita Robles, a Defesa, Reyes Maroto, a Indústria; Isabel Celaá, a Educação; Magdalena Valerio, o Trabalho; Nadia Calviño, a Economia; María Jesús Montero, a Fazenda; Meritxell Batet, a Política Territorial; Carmen Calvo será a vice-presidente. 

A notícia é especialmente interessante para as mulheres espanholas que, no dia 8 de março deste ano, fizeram uma greve histórica em defesa dos seus direitos.

Os homens ficam com ministérios como Ciência, Inovação e Universidades e Cultura. 

O novo governo socialista espanhol vai na contramão da tendência conservadora pela qual a Europa tem passado. Sánchez, de 46 anos, também quebrou outra tradição: durante o juramento perante o rei Felipe VI, ele dispensou tradicionais símbolos religiosos, como crucifixo e a bíblia. 


Nova temporada de PEQUENAS GRANDES MULHERES: ATLANTA! Toda segunda, 22h. 


Fonte: AFP | Imagem: zixia / Shutterstock.com