JANE THE VIRGIN

Mulher descobre que estava grávida 16 minutos antes do parto

Por: LIFETIME Brasil

Não perca a nova temporada de  JANE THE VIRGIN. ESTA QUARTA, às 21h10.

Enquanto assistia a uma partida de futebol do seu filho, a australiana Kristy começou a sentir uma dor fortíssima na região abdominal. 

Como as pontadas estavam ficando cada vez mais fortes, ela pediu à sogra que a levasse de imediato para o pronto socorro.

A dor era tanta que ela suspeitava de apendicite. 

Ao dar entrada no hospital, a mulher foi encaminhada para a sala de ultrassonografia. Foi quando teve o diagnóstico mais inesperado da sua vida: estava no último mês de gravidez e a dor, na verdade, era derivada do início do trabalho de parto.

Os médicos ainda tentaram transferir Kristy para um hospital mais capacitado, mas não deu tempo. O pequeno Charlie estava ansioso para ver a luz do dia. 

Ele nasceu ali mesmo, 16 minutos depois que a mãe descobriu que estava grávida. O bebê chegou em plena saúde, pesando 2,72 kg. 

Kristy respirou aliviada ao descobrir que o filho não esperado estava bem, já que era fumante compulsiva e havia consumido bastante álcool nas festas de fim de ano.

O marido de Kristy, mais assustado que ela, teve que ser amparado por uma equipe de médicos. Primeiro porque jamais esperava ter outro filho, já que tinha feito vasectomia anos antes. Depois, por achar que sua mulher o havia traído.

Mas o fato é que Charlie nasceu por causa de uma conjunção de dois fatores inusitados: a vasectomia do marido havia se revertido naturalmente, num processo raro chamado “recanalização”, e a posição da placenta de Kristy fez com que a gravidez passasse despercebida por nove meses. 

Charlie, hoje com quatro anos, é o mais novo de quatro irmãos: Lachlan, de 15 anos, Cambell, de 13, e Kaitlyn, de 12.

Charlie

 


Fonte: UOL 
Imagem: Arquivo pessoal