MAIS LIFETIME

Bomba! Vídeo antigo de R. Kelly abusando de menores complica ainda mais a vida do cantor

O auxiliar de enfermagem Gary Dennis estava fazendo uma limpa em sua coleção de fitas VHS, na Pensilvânia, nos EUA, quando encontrou um vídeo do cantor R. Kelly abusando de meninas menores de idade. 

A notícia caiu como uma bomba nos principais canais de notícia dos EUA. 

Dennis afirma que não conhece Kelly e também não sabe como a fita veio parar em seus arquivos. “Para minha surpresa, R. Kelly aparece na gravação, mas não em um show, e sim abusando de meninas negras menores de idade”. 

Sua advogada, Gloria Allred, diz que a fita será somada às dez outras denúncias de abuso sexual feitas contra Kelly em Chicago. Ela admite, no entanto, que não tem 100% de certeza de que o homem que aparece no vídeo é realmente o cantor. 

R. Kelly continua negando. Em nota, seu advogado explica que o homem do vídeo tem certa semelhança com seu cliente, mas que não é ele.  

Os promotores que acusam Kelly contam que já possuem outros vídeos do cantor abusando de menores. 

Muitas pessoas comentaram nas redes sociais que a tal fita apresentada por Dennis é uma velha conhecida do mercado ilegal, e que era vendida livremente pelas ruas da cidade no início dos anos 2000. “A justiça tem conhecimento desse material desde 2001. Isso é evidência velha”, explica o advogado Michael Avenatti. 


Pela primeira vez, mulheres do círculo íntimo de R. Kelly relatam os abusos sexuais, mentais e físicos que sofreram. SOBREVIVER A R. KELLY - estreia sexta, dia 15, às 20h40! 


Fonte: ABC 7 Chicago | Imagem: Instagram/@rkelly